Wifi em casa sem estresse


Dados da última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua do IBGE, realizada em 2018, mostram que mais da metade dos lares baianos têm acesso à internet:

  • 60% dos baianos utilizam rede wifi

  • São 3,1 milhões de imóveis conectados e que, nem sempre, tem aquele sinal potente

  • 98,1% dos baianos acessam a internet pelo celular

  • 46,1% dos baianos acessam pelo computador

  • 13,5% dos baianos se conectam pela TV

  • 11,9% dos baianos se conectam pelo tablet


Os índices devem aumentar conforme o passar dos anos e a popularização crescente desses aparelhos. Segundo o diretor de vendas da empresa especializada em produtos eletroeletrônicos de consumo SEMP TCL, Kleber Carante, atualmente, as smartvs são mais de 80% do volume produzido na empresa. “Dentro da nossa linha, acima de 32 polegadas, os aparelhos já são conectados em aplicativos como netflix e youtube”.


Mas não basta ter os aparelhos de TV de última geração. É preciso que a conexão em casa garanta a qualidade da transmissão de dados. Essa qualidade depende da operadora, do tipo de roteador e ainda do posicionamento deste aparelho na casa. O analista em Rede de Computadores Felipe Eduardo Santana orienta, por exemplo, a não deixar o roteador no mesmo plano das smartvs. “.....”


Fique atento a outras dicas:

  • Dê preferência a lugares mais altos

  • Não coloque o aparelho roteador distante da smartv

  • Se o seu roteador tiver mais de uma antena, pode deixar uma na vertical e outra na horizontal porque a antena propaga o sinal mais fortemente na direção perpendicular. Na maior parte das vezes, o ideal é deixá-la reta para cima, com o sinal indo na horizontal

  • Instale um repetidor de sinal e mantenha-o atualizado (isso garante a velocidade e segurança na transmissão de dados)

  • Desligue o aparelho se não tiver utilizando-o para garantir uma melhora na transmissão de dados e maior vida útil ao equipamento

Atenção na hora de escolher o roteador


O primeiro passo é saber escolher o modelo do roteador. Técnico em informática, Evandro Góes, explica que é melhor optar pelos roteadores com duas antenas, que custam entre R$ 120 e 300. Já o de uma antena varia de R$ 50 a 70.


“Vale a pena investir mais porque o número de ganho de DDI (potência) é maior. Uma antena funciona como receptora e outra como emissora, enquanto aqueles aparelhos com uma só antena fazem múltipla função, colaborando para um sinal pior ”.


#Wifi #Computador #Internet

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

CONTATOS

aban@faculdadesocial.edu.br
(71) 4009-2804
 

© 2017 - Agência Baiana de Notícias - Centro Universitário UNISBA